Chat now with support
Chat with Support

KACE Systems Deployment Appliance 7.0 Common Documents - Guia do administrador

Sobre a Solução de implantação de sistemas KACE Introdução Uso do Painel Configuração de SDA KACE Configuração de contas de usuários e autenticação do usuário Definição das configurações de segurança Preparação para a implantação Gerenciamento do inventário de dispositivo Uso de rótulos Criação de um Ambiente de Inicialização do Windows Gerenciamento de drivers Captura de imagens Captura de perfis de usuário Criação de instalações com script Criação de uma sequência de tarefas Automação de implantações Execução de implantações manuais Gerenciamento de implantações personalizadas Criação de imagens de dispositivos Mac Sobre a Solução de localidade remota Importação e exportação de componentes da solução Gerenciamento de espaço em disco Solução de problemas da solução Atualização do software do aplicativo Glossário Sobre nós Avisos legais

Adicionar um disco virtual para armazenamento externo

Adicionar um disco virtual para armazenamento externo

É possível adicionar um disco virtual para migrar os dados armazenados em uma solução SDA KACE Virtual ou em um RSA (Appliance de localidade remota) para um disco virtual adicional, a fim de liberar espaço em disco.

A configuração de um disco virtual para sua solução SDA KACE Virtual ou um RSA exige o seguinte:

1.
No painel de navegação esquerdo, clique em Configurações para exibir o Painel de controle e, em seguida, clique em Armazenamento de dados para exibir a página Armazenamento de dados.
2.
Clique em Alterar para armazenamento externo para exibir a Configuração do armazenamento de dados.
3.
Clique em Verificar dispositivo.
4.
Clique em Migrar para copiar os dados para o armazenamento externo.
No painel de navegação esquerdo, clique em Configurações para expandir a seção e, em seguida, em Registros de equipamento para exibir a página Registros de equipamento e selecione os registros de Configuração de armazenamento de dados.

Reverter dados externos para o armazenamento interno

Reverter dados externos para o armazenamento interno

Você pode migrar os dados armazenados em um dispositivo de armazenamento off-board para o SDA ou RSA KACE contanto que os dados não excedam a capacidade de armazenamento on-board. O SDA KACE verifica se há espaço suficiente para os dados. Se os dados no dispositivo ultrapassarem a quantidade de espaço disponível na solução, os dados externos não serão migrados.

Para obter informações sobre a capacidade de armazenamento de dados do SDA KACE, acesse http://documents.quest.com/kace-systems-deployment-appliance/technical-specifications-for-virtual-appliances/.

1.
No painel de navegação esquerdo, clique em Configurações para exibir o Painel de controle e, em seguida, clique em Armazenamento de dados para exibir a página Armazenamento de dados.
2.
Clique em Alterar para armazenamento externo para exibir o assistente de Configuração de armazenamento de dados.
a.
Clique em Reverter para os dados originais que estavam no equipamento antes de migrar para o armazenamento off-board. Todos os novos dados armazenados no dispositivo de armazenamento off-board depois da migração dos dados on-board para o armazenamento off-board serão perdidos.
b.
Clique em Avançar e selecione Sim, reverter para armazenamento integrado.
a.
Clique em Copie dados do armazenamento externo para a solução.
b.
Clique em Verificar espaço de armazenamento.
c.
Clique em Migrar.
a.
No painel de navegação esquerdo, clique em Implantações e em Localidades remotas para exibir a página Solução de localidade remota.
b.
Selecione a RSA e, em seguida, Escolher ação > Sincronização.

Configurar um dispositivo de armazenamento externo

Configurar um dispositivo de armazenamento externo

É possível adicionar um dispositivo externo de NAS (Network Attached Storage) para migrar os dados armazenados em um SDA KACE físico e liberar espaço em disco nessa solução. Quando você migra os dados para um dispositivo de armazenamento externo, os dados armazenados na solução deixam de estar acessíveis.

Acesse o site http://www.itninja.com/community/dell-kace-k2000-deployment-appliance para ver as instruções de configuração específicas para dispositivos que não estão disponíveis no SDA KACE.

1.
No painel de navegação esquerdo, clique em Configurações para exibir o Painel de controle e, em seguida, clique em Armazenamento de dados para exibir a página Armazenamento de dados.
2.
Clique em Alterar para armazenamento externo para exibir o assistente de Configuração de armazenamento de dados.
4.
Em Endereço, digite o nome de host ou o endereço IP do dispositivo de armazenamento externo.
Em Caminho de compartilhamento, digite o caminho completo do compartilhamento configurado no dispositivo de armazenamento externo.
5.
Defina as configurações do dispositivo e clique em Verificar configurações do dispositivo.
6.
Clique em Migrar para copiar os dados para o armazenamento externo.
No painel de navegação esquerdo, clique em Configurações para expandir a seção e, em seguida, em Registros de equipamento para exibir a página Registros de equipamento e selecione os registros de Configuração de armazenamento de dados.

Melhores práticas para uso do armazenamento externo

Melhores práticas para uso do armazenamento externo

A mudança para o armazenamento externo torna todas as suas implantações, capturas de imagens, uploads de mídia e downloads dependentes da estabilidade e velocidade do servidor externo e de sua conexão de rede com o SDA KACE. Para isso, existem várias recomendações a serem seguidas.

O servidor de armazenamento externo é um dispositivo dedicado

Ele não deve fornecer compartilhamentos ou outra funcionalidade para outras máquinas ou dispositivos, a fim de evitar conflitos de recursos. Os dados só podem ser movidos para o SDA KACE (e para fora da máquina cliente) com a rapidez com que o servidor de armazenamento puder fornecê-los. Se o servidor de armazenamento estiver vinculado ao envio de dados para outros dispositivos, isso afetará os tempos de implantação/captura e poderá até levar a uma falha de implantação.

O servidor de armazenamento externo está conectado ao SDA KACE físico por sua própria rede privada

O SDA KACE tem duas portas de rede, a segunda porta de rede deve ser usada para conectar o servidor de armazenamento externo à sua própria rede privada isolada da rede front-end do SDA KACE. A conexão do servidor de armazenamento na rede front-end do SDA KACE efetivamente reduz a largura da banda da rede pela metade, tornando uma rede de 1 GB uma rede de 500 MB. Durante a captura/implantação, os dados devem vir do servidor de armazenamento para o SDA KACE e, depois, do SDA KACE para o cliente. Usar a rede front-end significa que os dados devem percorrer a NIC front-end duas vezes. Isso terá um impacto drástico sobre o desempenho e poderá levar a falha nas implantações devido ao congestionamento da rede. Além disso, o servidor de armazenamento e o SDA KACE devem estar conectados ao mesmo comutador físico (VLAN/sub-rede). Qualquer latência de pacotes causada por percorrer múltiplos comutadores/roteadores diretamente se traduz em implantações mais longas ou com falha e deve ser evitada.

O servidor de armazenamento externo deve ser um hardware de classe empresarial

Uma vez que a velocidade de implantação do SDA KACE depende de que o servidor de armazenamento possa acompanhar o carregamento; qualquer atraso causado por um servidor de armazenamento lento se traduzirá em implantações longas ou com falha. Portanto, como exemplo, o uso de um dispositivo NAS, um desktop ou modelo de SOHO (escritório pequeno/escritório doméstico) não seria apropriado. Do mesmo modo, o uso de uma máquina virtual como servidor de armazenamento não é recomendado, nos testes e no campo descobrimos que não importa quão robusta seja a infraestrutura, o servidor virtual, especificamente o NFS (Network File System), não é confiável sob carga pesada.

As unidades no servidor de armazenamento são unidades de alta velocidade e de alto desempenho

Sempre que o servidor de armazenamento atrasar o envio de dados para o SDA KACE, porque está esperando para ler as unidades, isso se refletirá em implantações mais longas ou com falha. Existem muitos fabricantes de unidades diferentes, portanto, não é possível classificá-los, exceto como exemplo, as unidades Western Digital® são fornecidas em quatro tipos: Verde (ecologicamente correto), Azul (consumidor), Vermelha (raid de baixa classificação) e Preta (alto desempenho). Recomendamos usar somente as unidades pretas, de alto desempenho. Se o seu servidor de armazenamento estiver usando unidades SAN (rede de área de armazenamento), certifique-se de que ele pode produzir desempenho igual ou melhor que as unidades físicas de alto desempenho. Recomenda-se que as unidades SAN sejam testadas e tidas como referência, pois alguns sistemas operacionais não podem utilizar a taxa de transferência da SAN.

O software antivírus não está instalado em seu servidor de armazenamento

Se você deve tiver um antivírus em seu servidor de armazenamento, ele deverá estar configurado para ignorar completamente o compartilhamento do SDA KACE. A maioria das soluções de software antivírus usam uma varredura no acesso, o que significa que qualquer arquivo acessado é verificado antes de ser enviado pela rede. Os arquivos WIM terão vários GB de tamanho, fazendo com que a varredura demore muito tempo, o que por sua vez causará problemas de tempo limite de implantação. Além disso, muitas soluções de software antivírus escolhem colocar arquivos carregados de quarentena, se eles parecerem estar comprometidos. Isso é especialmente válido para arquivos de driver que podem ser catastróficos quando colocados em quarentena, fazendo com que as implantações falhem com telas azuis, porque o driver não precisava mais de parte da imagem. Políticas de antivírus e de segurança adicionais podem fazer ou forçar alterações nas permissões ou na propriedade dos arquivos, fazendo com que o SDA KACE não tenha mais acesso a eles.

Para obter mais informações, visite https://support.quest.com/kace-systems-deployment-appliance/kb/111864. Este artigo fornece uma lista de dispositivos NAS testados, no entanto, existem outros que oferecem funcionalidade adequada. A KACE não publica quaisquer especificações para servidores de armazenamento baseados no Windows, por isso, se estiver usando uma máquina do Windows, é importante garantir que ela seja executada em um hardware de classe empresarial moderno.

Related Documents